27 de abr de 2009

Estive com a Mari...

Oie de novo!!
Esqueci de avisar...

Sexta-feira passada fui visitar o ateliê da Mari Kanegae... acho que muitos origamistas que passam por aqui a conhecem, ela dá aula de origami na Aliança Cultural e já publicou alguns livros.
Ficamos conversando um pouco e ela me fez refletir sobre algumas coisas...

Resumindo...

No meio da conversa, eu estava querendo algumas dicas de como dar aulas de origami (de verdade), e ela disse que uma das coisas mais importantes quando ensinar, é citar sempre o nome do autor que criou tal origami, e que tem muitos blogs e sites que as pessoas dobram, postam a foto e não colocam nenhuma fonte...

Outro ponto que ela comentou foi sobre a pirataria... os diagramas que rolam soltos pela internet...
Pensando assim, acho que o meu blog está todo errado, apesar de eu sempre achar que estava ajudando as pessoas, colocando diagramas...
Se bem que graças à internet e à "pirataria", eu fiz download do livro, e de tão bom, acabei comprando...

Fica aí um momento de reflexão para todos...

Feito por Cristiane e Deborah

Esse bloquinho fofo comprei no ateliê, no bazar que teve na sexta e sábado.
Muito lindo, não acham?? Vou dar de presente para a minha priminha de aniversário...
Quem sabe mais para frente não faço o meu próprio bloquinho... ?? ^^


Bjaum...

10 comentários:

  1. Oi Tchami, tava olhando o foto-diagrama que você fez da caixa alta e fiquei qrendo fazer uma para dar uma kusudama de presente. Queria saber se você sabe o tamanho do papel que deve ser utilizado para caber uma kusudama, dessas de tamanho tradicional feitas com peças de 7,5 cm. Creio que tenha uns 10cm, mas seria melhor que a caixa ficasse um pouco maior para garantir =P e dar um espacinho.

    ResponderExcluir
  2. Oi Tchami!
    Que bom que vc teve esta conversa com a Mari e está consciente sobre a divulgação de diagramas sem a permissão dos autores. No último fim de semana estive na Jornada de Origami do Grupo DoBras Brasil no Rio de Janeiro e lá tiveram oficinas somente de criadores. Os criadores ensinaram seus origamis e se Sampa foram: Hideo, René, César e Leonardo ensinar suas criações. Recebemos uma apostila com os diagramas também. Um evento muito legal nos 2 sentidos da palavra!
    Beijos e até o próximo encontro!

    ResponderExcluir
  3. Olha Tchami!!! É vc que organiza um consorcio de papéis!?!?!?!?!? Eu gostaria de saber como funciona e se ainda tem como entrar...
    Bjo


    Charlene Santos
    Charlenepsantos@gmail.com

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Adorei o seu blog, parabéns! =)

    Será que você pode me passar um link com o passo-a-passo da caixa triangular? Ou talvez um print. É que não consigo abrir de jeito nenhum =(

    Se puder manda para para o meu e-mail: ind_nirve@yahoo.com.br ou ingrid_nirve@hotmail.com

    Agradeço desde já!
    Beijocas

    ResponderExcluir
  6. Oi, Dinha!
    Para os kusudama de 7,5cm, acho que fazendo a caixinha com metade do A4 fica bom...
    qualquer coisa, é só vc medir a largura que vc quer e multiplicar por dois...

    Bjaum... ^^

    ResponderExcluir
  7. Oi, Agnes!
    Entendo que não é certo divulgar os diagramas que tenho, mas tem muitas pessoas que não tem acesso para comprar os livros, e para mim, pelo menos (como eu escrevi no post), a internet foi muito importante para eu ver o que tinha de novo, conhecer vários livros e através deles, adquiri-los fisicamente.

    No começo, tinha muita dificuldade para encontrar diagramas, ou pessoas que tivessem disposição para compartilhar algum diagrama, ou alguma pista de onde foi tirado... do autor... não queria que outras pessoas tivessem essa mesma dificuldadem, por isso comecei a colocar os diagramas, ou os links de onde os encontrei.

    A maioria dos origami que fiz não sei quem é o autor, e quando aprendi, foi que amigos me ensinaram, sem livro, então nem eu sei a fonte...

    O que acho errado são as pessoas que pegam diagramas de livros inteiros e comercializam. Já vi muito disso no orkut.

    Enfim, não sei se vou conseguir deixar de compartilhar o que tenho, mas pode ter certeza que sou a favor de comprar um livro se ele realmente for bom!! ^^

    Estou com saudades das reuniões do OriSampa... aliás, como estão as coisas? Depois daquela reunião da coordenação, não tive mais notícias...

    Espero que entenda o meu ponto de vista...

    Bjaum...

    ResponderExcluir
  8. Charlene!
    Eu organizei esse Consórcio, vamos esperar terminar a 2ª rodada para ver se alguém desiste (às vezes acontece...).
    Se quiser, pode abrir um novo, deve ter bastante gente interessada... ^^

    Bjaum...

    ResponderExcluir
  9. Tipo, a kusudama não tem 7,5cm as pecinhas que formam ela q tem =P
    A kusudama tem em média 10cm.

    ResponderExcluir
  10. Pois é, minha querida!

    Refletir não significa necessariamente aceitar posições de outrem.
    Aprendi a fazer meus primeiros origamis sem ouvir falar na existência de criadores, mestres, origamistas, etc.
    Aprendi a dobrar as primeiras peças com amigas e com duas grandes dobradeiras aqui da terrinha.
    Elas só sabiam o que significava kusudama, mas não sabiam os nomes de nenhuma. Por isso, minhas primeiras montagens levavam nomes que eu mesma inventava, tal como Gabriela Cravo e Canela. Muito depois, soube que era uma Vênus.

    Grande coisa eu citar o autor. Às vezes até faço isso nas aulas, mas isso se perde em meio às dobras...
    Também não distribuo diagramas durante as aulas. Espero que as meninas - quase sempre são mulheres - aprendam que as mãos podem saber mais do que os olhos e o cérebro.
    ; )

    Download de livros, quem não faz. Muitos de nós não convivem com grupos, não têm a chance de participar de encontros ou jornadas e precisam da internet para ter acesso aos diagramas. Mas concordo plena e veementemente que não é legal vender coleções de diagramas!!!

    Muitos beijinhos!!!
    E boas dobras!!!
    eva

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...